O que dizes tu?

Elas Sabem Bem Mais do Que Eles
Artigo Sobre o Investimento das Mulheres na Formação

Spoiler alert: O tema de hoje é quente, mas também é indiscutível.

As mulheres investem mais na sua formação pessoal do que os homens.

Porquê? É isso que vamos tentar perceber já de seguida.

Uma Questão de Proporção

Dizem-se muitas coisas sobre as diferenças entre homens e mulheres.

Qualquer um de nós passou a vida toda a ouvir pérolas tão variadas e iluminadas como:

🔸 Que elas são mais sensíveis e delicadas…

🔹 Que eles são mais fortes…

🔸 Que elas conseguem fazer várias coisas ao mesmo tempo…

🔹 Que eles são desarrumados…

🔸 Que elas são danadas umas para as outras…

🔹 Que eles são mais racionais…

🔸 Que elas são incríveis…

🔹 Que eles são muito fáceis de ler…

🔸 Que elas são mais maduras…

🔹 Que eles são mais básicos e práticos…

Enfim, podia ficar aqui a semana toda a escrever coisas do género, mas não é para isso que estou a interromper o teu dia. Longe de mim.

A ideia aqui é muito simples: explicar o título deste email e perceber por que razão as mulheres investem muito mais no seu próprio conhecimento do que os homens.

Antes de mais (e antes que comeces já a dizer que isto é mentira) importa explicar que esta afirmação tem sido cozinhada a baixa temperatura.

Ou seja, há vários anos que noto esta tendência, mas foi desde que comecei a dar formação em nome próprio que percebi a enorme diferença de investimento que existe entre homens e mulheres.

Mais do Que Uma Suspeita, Uma Triste Realidade

Depois de falar com vários colegas que também dão formação percebi que isto é transversal. Ou seja, acontece em todas as áreas.

Nas faculdades passa-se a mesma coisa.

E atenção que aqui posso falar com conhecimento profundo desta causa, já que passei 5 anos numa faculdade (na Escola Superior de Educação de Lisboa) em que a proporção de mulheres vs homens andava na casa dos 95% — 5%.

Não vamos mais longe, fui o único homem da turma durante 4 anos.

No 1º ano fiz parte de uma turma com 48 mulheres… e eu.

Dá para imaginar o que sofri. Certo? 😅

Mas isto não fica por aqui.

Vamos Falar de Números, Sim?

Como mandam as boas práticas de quem faz o que eu aqui faço, antes de escrever esta newsletter fui pesquisar e encontrei dados muito relevantes num artigo da Visão:

“Em 2020, 82% das mulheres entre os 25 e os 34 anos tinham pelo menos o ensino secundário completo, contra 76% dos homens.

E quase 50% tinham um curso superior, quando a percentagem de homens se fica pelos 34,6%.”

Repara bem nestes números (que eles nunca mentem):

Apenas 3 áreas registaram um número mais alto de homens na formação:

1. Ciências, Matemática e Informática (43,1% de mulheres);

2. Engenharia, Indústrias Transformadoras e Construção (28% de mulheres);

3. Serviços (42,3% de mulheres).

Agora vê bem a diferença do número de homens em áreas como:

— Educação (22,3%).

— Saúde e Protecção Social (23,1%).

Ou seja, mais de metade dos alunos do Ensino Superior são mulheres!

A conclusão óbvia a que se chega é que:

*** Elas Investem Mais Na Formação ***

Porquê? Não sei. E para te poder responder a esta pergunta com exactidão e rigor tinha de fazer questionários, sondagens, telefonemas, ir à Lua, voltar a pé, falar com o Papa (que anda ocupado) e eu sei lá mais o quê…

O que sei é que a diferença é enoooooooorme.

Nos meus cursos chego a ter 85% — 90% de mulheres e 10% — 15% de homens.

E isto não acontece de forma pontual, é sempre assim.

Uma notícia do ECO de junho de 2021 ano dava conta de que as mulheres têm mais qualificações do que os homens, mas que continuam a ganhar menos.

(sei que vamos ver esta realidade a virar no nosso tempo de vida)

Isto só prova o meu ponto — Elas Investem Mais Na Formação.

O Que o Futuro Nos Reserva?

Por isso, é normal que nos próximos anos vejamos mais mulheres a chegar a cargos de liderança, de direcção, de coordenação, de chefia. Tudo.

Podemos até voltar a ter uma mulher como Primeira Ministra ou, quem sabe, uma mulher na Presidência da República.

É também normal — e tenho assistido a essa evolução — haver mais e mais mulheres a seguir o caminho da independência e a apostar no empreendedorismo e em negócios próprios.

E que bom que assim é. 🙏

Que bom que chegámos a um ponto de viragem na sociedade.

(já estava mais que na altura de as coisas deixarem de ser como são)

As mulheres decidem, pensam, organizam, brilham, resolvem e acrescentam pontos de vista fundamentais, práticos e que fazem todo o sentido à vida em sociedade.

Na Diferença Está a Riqueza Maior Desta Vida

É fundamental que a diferença e a divergência se juntem para garantir a evolução e o crescimento. 

Como te disse no início, outros colegas com quem tenho falado relatam a mesma prevalência de mulheres nas suas formações. 

Isto só prova que não são os meus lindos olhos (nem esta careca reluzente) que trazem as mulheres às minhas formações e workshops. 😅

Por isso, a ti que te estás a cruzar com este email e que o leste até ao fim, aqui fica um conselho: investe na tua formação!

Pouco me importa se és homem ou mulher.

O que importa é aquilo que lês, o quanto estudas e te dedicas a uma missão que só termina no dia em que morres.

O saber tem de ocupar um lugar muito importante nas nossas vidas.

Acredito seriamente que os seres humanos se definem por tudo aquilo que lêem e fazem e não pelo que têm.

Pensa que quanto mais souberes mais podes ajudar quem não sabe e quer saber.

E isso é absolutamente maravilhoso. 

No fundo, acabamos por ser veículos de transmissão de aprendizagens e conhecimentos. 

É um óptimo lugar para se estar. Não achas?

Repara, comecei esta 2ª feira o último workshop de copywriting de 2022 e a proporção de homens e mulheres é aterradora.

Em 30 pessoas inscritas, tenho 24 mulheres e apenas 6 rapazes.

Isto, por si só, já diz tudo.

Há uma frase do Denzel Washington que não me sai da cabeça:

“Sem compromisso nunca começas, mas sem consistência nunca terminas”.

É a mais pura das verdades: tens de criar o compromisso e manter-te consistente.

Caso contrário, vais falhar uma e outra e outra vez.

Mas ao nível do investimento na formação, temos que ser práticos e realistas:

Rapazes, temos que aceitar que custa muito menos. 😅

Elas são incríveis, dedicadas, empenhadas e está na hora de lhes ser dado o devido reconhecimento, sobretudo a nível salarial.

Não tem qualquer cabimento que tenham as mesmas responsabilidades e funções e ganhem menos que 1 homem na mesma posição. Isto é ofensivo, para não dizer mais.

Entretanto, se gostas do que lês por aqui e tens assim muuuuuuita vontade de me oferecer um copo de vinho 🍷 como forma de agradecimento, já podes fazê-lo. Até porque, como sabes, gosto muito de vinho!

OFERECE 1 COPO DE VINHO🍷 AO CARECA

E por esta semana é tudo.

Despeço-me, como sempre, com um abraço amigo e com a esperança de que a semana te corra lindamente.

Ahhhh… e… importa não esquecer…

Outros Artigos

. . .

Inscreva-se na Newsletter