Levis

2020

— Quando entrei na pré adolescência, por volta de 1995, a Levi’s era a marca de sonho para qualquer puto. Como a minha mãe não podia comprar-me calças que custavam 15 contos (75 euros, para quem não faz ideia do que estou a dizer), íamos à feira de Loures e ela comprava-me 1 par de Levi’s falsas por 2 contos e 500 (12,50€). Bastava-me ver a etiqueta vermelha no bolso de trás. Era suficiente para achar que era tão cool como os outros tipos todos que tinham a sorte de usar as verdadeiras. Afinal de contas, não são umas calças de ganga, são umas Levi’s. É a + pura e indiscutível das verdades. E foi este o título que dei ao trabalho que fiz para a Levi’s.

. . .

Inscreva-se na Newsletter